MEDICAMENTOS FLORAIS

Data: 16/01/2022

Os medicamentos florais são feitos de essências florais, na sua maioria, extraídos de flores silvestres, que foram especialmente selecionadas e que apresentam a propriedade de atuar sobre os estados emocional, espiritual, físico e mental das pessoas.

O conhecimento sistematizado pelo médico inglês chamado Dr. Edward Bach, através da publicação do seu método de preparo das essências florais, estimulou a criação de outros sistemas florais, uma vez que se tornou possível fazer testes com flores de outros biomas para avaliação de seus efeitos.


O sistema de remédios florais de Bach é o mais conhecido e vendido no mundo, mas existem atualmente outras centenas, inclusive sistemas brasileiros. Outros sistemas florais que são bem conhecidos são os Californianos e os Florais Australianos.


O sistema de remédios florais de Bach é constituído por 38 essências mais um remédio emergencial, o rescue remedy, que é constituído por cinco dessas essências e serve para situações pontuais e de emergência.


Cada uma dessas essências atua em estados emocionais e mentais específicos, sendo que 37 são extraídas de flores silvestres ou de árvores e apenas uma é extraída a partir de água de uma fonte natural que apresenta propriedades curativas. 






PREPARO E MECANISMO DE AÇÃO DAS ESSÊNCIAS FLORAIS 


As essências florais são basicamente extratos líquidos cuja preparação deve ser realizada, preferencialmente in situ, ou seja, no lugar onde cresce a planta.


As flores necessitam ser colhidas no momento do preparo e os utensílios a serem usados devem ser os mais naturais possíveis.

A água deve ser a mais pura possível, ainda melhor se for de um manancial próximo ao habitat das flores. 


O conservante utilizado para proteger essa preparação, denominada tintura mãe, normalmente é o conhaque.

Utilizando uma vasilha de cristal cheia de água, cobre-se a superfície com as flores, sem que elas se amontoam umas sobre as outras.


Depois se deixa a vasilha exposta à luz direta do sol até que as flores comecem a murchar. 

Essa espera pode levar de 2 a 7 horas, dependendo da flor e da força do sol. Posteriormente, retiram as flores com cuidado e despeja-se essa água em vidros, até a metade, na outra metade se insere o conhaque.


A maioria das essências foi preparada dessa forma pelo Dr. Bach, outras poucas foram preparadas através da fervura. 






COMO ATUAM OS MEDICAMENTOS FLORAIS? 


Os florais exercem o seu efeito tratando o indivíduo e não a doença ou seus sintomas. Atuam diretamente no aspecto emocional e mental.

São remédios individualizados, e por mais que duas pessoas tenham o mesmo problema de saúde, por exemplo, hipertensão, as essências florais indicadas não serão necessariamente as mesmas.


O efeito dos florais não é a supressão dos aspectos mentais emocionais negativos, mas a sua transformação em aspectos positivos.

A ação das essências florais é de natureza bioenergética. No preparo das tinturas ocorre a extração das energias sutis das flores, captando, dessa forma, uma informação eletromagnética definida.


Isso ocorre devido ao procedimento de preparação especial, ao qual é submetida, onde se transfere as propriedades eletromagnéticas inerentes de cada flor, com todo seu padrão arquetípico e de vida, e onde se captura a frequência vibracional ou de ressonância que supostamente causa uma reestruturação da cadeia de hidrogênio da água da solução, convertendo a tintura a um padrão de informação definido, com possibilidades de atuar sobre determinados campos bioenergéticos específicos dos seres vivos.





QUAIS SÃO AS 38 ESSÊNCIAS DE ACORDO COM O ESTADO MENTAL DE CADA INDIVÍDUO?


DIVIDINDO-AS EM SETE EMOÇÕES BÁSICAS QUE CORRESPONDEM AOS SETE GRUPOS EMOCIONAIS, SEGUE ABAIXO OS SETE GRUPOS E SUAS ESSÊNCIAS: 



1. PARA OS QUE SENTEM MEDO


Aspen: Para medos e apreensões indefinidos e desconhecido

Cherry plum: Para o medo de perder o controle 

Mimulus: Para medos definidos e conhecidos

Redchestnut: Para os medos de que algo de ruim possa acontecer às pessoas queridas 

Rock rose: Para situações de terror e pânico 



2. PARA OS QUE SOFREM DE INDECISÃO


Cerato: Para a falta de confiança em si para tomar as próprias decisões

Gentian: Para os que desanimam facilmente diante do menor entrave ou dificuldade

Gorse: Para situações de desesperança, quando se perde a fé de que algo possa ser feito a seu favor

Hornbeam: Para os que sentem que não tem força suficiente, física ou mental, para cumprir suas obrigações.

Scleranthus:Para os que são incapazes de decidir entre duas coisas, inclinando-se ora em direção de uma, ora a outra

Wild Oat: Para os indecisos em relação a que ocupação desejam se entregar 



3. PARA A FALTA DE INTERESSE PELAS CIRCUNSTÂNCIAS ATUAIS


ChestnutBud: Para a dificuldade em aprender com a vida, seja por falta de interesse, indiferença, etc

Clematis: Para os que vivem em devaneios ou mais no futuro do que no presente

Honeysuckle: Para os que vivem mais no passado do que no presente

Mustard: Para os que sentem tristeza, desalento sem razão aparente e que aparecem de repente

Olive: Para os que sentem esgotamento físico ou mental

White Chestnut: Para os que não conseguem evitar pensamentos repetitivos e recorrentes

Wild Rose: Para a apatia e resignação, para os que se renderam à vida.



4. PARA A SOLIDÃO


Heather: Para os que não suportam a solidão e buscam constantemente companhia

Impatiens: Para os que têm o ritmo rápido e dificuldade em aceitar o ritmo alheio, preferindo trabalhar sozinhos.

Water Violet: Para os que na saúde e na doença apraz ficar só



5. PARA OS QUE SÃO SUSCEPTÍVEIS A INFLUÊNCIA E IDEIAS ALHEIAS


Agrimony: Para os que não gostam de discussões a ponto de renunciarem a muitas coisas

Centaury: Para os que se mostram excessivamente ansiosos por servir aos outros

Holly: Para os que sentem às vezes suspeita, vingança, ódio.

Walnut: Para os que se vêem tentados a se afastar de suas próprias ideias devido às opiniões alheias



6. PARA O ABATIMENTO OU DESESPERO


Crabapple: Para os que se encontram ansiosos por se livrarem de algo que lhes parece maior do que é.

Elm: Para os que sentem que a tarefa que empreenderam é demasiado difícil e ultrapassa as forças

Larch: Para os que não se consideram tão capacitados quanto os que o rodeiam

Oak: Para os que se sentem vencidos e exaustos, mas continuam corajosamente e não desistem.

Pine: Para os que se culpam, inclusive quando o erro é de outro.

Star of Bethlehem: Para os que estão muito angustiados, para situações de trauma ou choque.

SweetChestnut: Para os que sentem angústia muito grande e que parece insuportável

Willow: Para os que sofreram uma adversidade e acham difícil aceitá-la sem ressentimentos



7. PARA AQUELES QUE SE PREOCUPAM EXCESSIVAMENTE COM O BEM ESTAR DOS OUTROS


Beech: Para os que precisam ser mais tolerantes com os outros

Chicory: Para os que pensam muito nas necessidades dos outros

Rock Water: Para os que são austeros consigo e desejam servir de exemplo

Vervain: Para as pessoas que desejam converter os outros para o seu modo de ver

Vine: Para as pessoas que querem impor sua vontade aos outros







COMO ADQUIRIR SEU MEDICAMENTO FLORAL? 


Em relação à eficiência, é possível encontrar os remédios florais em farmácias de manipulação, sendo que não há a necessidade de uma prescrição para a compra desse produto. É possível ir à farmácia com os nomes da essência, e dependendo da farmácia, o remédio fica pronto em 15 minutos ou no dia seguinte. 






QUAL SUA POSOLOGIA? 


Tomar 4 gotas três vezes ao dia. O uso pode ser sublingual ou pode ser diluído em água se desejar atenuar o gosto. 






ONDE COMPRAR?


Na farmácia de manipulação BIOFASE (Loja física e virtual) você pode encontrar o medicamento floral que melhor atende suas necessidades.



Confira os produtos manipulados na categoria Florais e Homeopatia e encontre o que você precisa.



Referência

ARRUDA, Ana Paula Corrêa Castello Branco Nappi. Efetividade dos Florais de Bach no Bem-Estar Espiritual de estudantes universitários: Ensaio clínico randomizado duplo cego (2012).

ESUS EC, NASCIMENTO MJP. Florais de Bach: uma medicina natural na prática. Rev Enferm UNISA. 2005; 6: 32-7. SALLES, Léia Fortes; SILVA, Maria Júlia Paes. Efeito das essências florais em indivíduos ansiosos. Acta Paul Enferm. 2012;25(2):238-42




Sandra Bonfanti

Farmacêutica