COM O QUE PRECISO TOMAR CUIDADO NA 3º IDADE?

Data: 12/01/2022

As mudanças no estilo de vida da população idosa, exige o equilíbrio entre o bem-estar e sua maior independência de forma participativa e segura nas atividades do cotidiano.

A expectativa de vida aumentou consideravelmente nos últimos anos tanto para as mulheres como para os homens. Tal condição reflete a busca por melhorias nas condições de vida e saúde da população como um todo. 


A população idosa está praticando exercícios físicos regulares, optando por uma alimentação mais saudável, cuidando da sua saúde mental e geral e, usando a tecnologia para suas necessidades e interação.


As mudanças no estilo de vida da população idosa, exige o equilíbrio entre o bem-estar e sua maior independência de forma participativa e segura nas atividades do cotidiano. 


Para isso, é fundamental implementar em sua rotina alguns cuidados para a saúde na 3ª idade que irão assegurar uma vida plena, saudável e segura.


Quem não deseja chegar na 3ª idade cheio de vigor, disposição, ativo, com ótima saúde e condição física?






QUAIS OS CUIDADOS NA 3ª IDADE? 



Acompanhamento médico regular e especializado

Acompanhamento com médico geriatra para prevenir possíveis doenças e saber se adequar às novas necessidades que vão surgindo a cada fase. 


Alimentação balanceada 

Uma boa alimentação para manter boa saúde e melhorar a disposição. Através de uma dieta balanceada rica em legumes, frutas, grãos, cereais, ovos, produtos de soja, peixe e carne. Evitar comida processada e gordura saturada.

É sempre recomendável buscar a orientação de um nutricionista para que o profissional adapte à dieta do idoso conforme suas necessidades. 

Especialmente se tiver problemas de saúde que restringem a ingestão de açúcar ou de sal, por exemplo. 


Hidratação 

Esse hábito é fundamental para a saúde e pode ser algo negligenciado na terceira idade, quando tendemos a sentir menos sede. A dica é tomar 2 litros ao dia, mesmo quando não estiver com sede.


Prática de atividades físicas 

Fazer exercícios diários com orientação de um profissional especializado ajuda a prevenir e tratar de doenças, melhora a disposição e humor, fortalecendo a musculatura, prevenindo quedas e fraturas. 


Respeitar o tempo e a independência do idoso 

Respeitar o tempo e o espaço da pessoa idoso para realizarem atividades rotineiras e estabelecer seus próprios limites. 


Adaptações da casa 

A casa, deve oferecer segurança na mobilidade da pessoa idosa podem melhorar, em muito, a mobilidade: instalar barras de apoio nos banheiros, ao lado dos sanitários e chuveiro, em escadas e corredores; tapetes antiderrapantes em escadas, corredores, banheiro, ao lado da cama e nas portas; iluminação adequada nos cômodos da casa; deixar os objetos de uso cotidiano mais acessíveis; uso de assentos para o banho, que evitam riscos de quedas.


Qualidade de sono 

O sono de qualidade é fundamental para a condição física e mental da pessoa idosa. Até aquela soneca tirada durante o dia pode ser reparadora. 

Descubra qual é o tempo necessário para o idoso e ajude-o a ter o repouso suficiente.


Tomar sol

Tome sol com o idoso. Os melhores horários para o banho de sol são entre 10h e 10h30 ou de 15h a 15h30, quando há maior incidência de raios ultravioletas que ajudam na produção da vitamina D.


Atenção as vacinas 

A imunização é importante para evitar quadros de doenças mais graves. Para pessoas com mais de 60 anos, ficar atentas ao calendário de vacinação, especialmente em relação à gripe, que acontece todos os anos.



CLIQUE AQUI e confira os manipulados para melhorar a memória, a capacidade de concentração, diminuir a sensação de fadiga e até mesmo prevenir doenças neurodegenerativas.



Sandra Bonfanti

Farmacêutica




Referência

SILVA, Vanessa. Velhice e envelhecimento: qualidade de vida para os idosos inseridos nos projetos do SESC-estreito (2009). Disponível em: http://tcc.bu.ufsc.br/Ssocial287076.pdf. Acesso em: 17 out. 2021